Nossa História


       A Assistência Social Diocesana Leão XIII, instituição filantrópica e comunitária foi criada em 25 de março de 1960, por iniciativa de Dom Cláudio Colling.


       A Entidade iniciou as atividades pela distribuição dos alimentos vindos dos EUA e pelas atividades de promoção humana, através de cursos profissionalizantes, taiscomo: os cursos de bordado industrial, de funilaria, sapataria, marcenaria, corte e costura, arte culinária, malharia, cabeleireiro e manicure. Em 1965, foi instalada uma horta comunitária, onde as famílias completavam o seu "rancho" com alimentos produzidos por eles mesmos.


       Após um período de muitas dificuldades, em 1972, a recém criada Cáritas Diocesana assumiu a incumbência de dirigir e reestruturar a Leão XIII, tendo na coordenação geral o Pe. Osvino, hoje Dom Osvino José Both, Arcebispo Militar do Brasil.
O ano de 1974 marca a criação do Centro de Juventude e a opção pelo atendimento de crianças e adolescentes. Foi aprovado pela Misereor e o governo alemão um projeto de construção de uma Escola Profissionalizante, a qual foi inaugurada em 1977. Concluída a construção da Escola, decidiu-se pelo atendimento preventivo das crianças e dos adolescentes nas suas próprias vilas de origem, através da criação de Centros de Juventude nos maiores bolsões de miséria da cidade. Após os 14 anos, o adolescente passa a ser encaminhado para um dos cursos profissionalizantes.


       Sucederam-se as criações dos Centros de Juventude: Em 1976, Centro da Juventude I - Vila Victor Issler; em 1978, o Centro de Juventude II, na Vila Bom Jesus; em 1980, o Centro de Juventude III, na São Luiz Gonzaga.Já, em 1981, foi criada, na Alemanha, a ‘Kinderhilfe Passo Fundo e.V.' e a campanha de apadrinhamento de crianças, em Passo Fundo, com a mesma finalidade. A partir de então, foi possível expandir muito a Leão XIII, graças ao auxílio da Kinderhilfe.


       Em 1981/82, foram implantadas duas Creches: Berço da Esperança, na Vila Luiza e Rita Sirotsky, na Santa Maria. Seguem-se as implantações de mais Centros de Juventude: em 1984, o Centro de Juventude IV, na Vila Ipiranga; em 1985, o Centro de Juventude da Vila Luiza; em 1986, o Centro de Juventude José Alexandre Zachia.


       Em 1987, foi firmado convênio com a UPF - Faculdade de Medicina, para o atendimento médico e, em 1988, com a Faculdade de Odontologia, através da Clínica Extra-Muros Leão XIII, composta de 10 equipos dentários. Em 1989, foi criada a Escola Agrícola Santo Antão, visando à formação de técnicos em agropecuária. Neste local funciona, hoje, a Fazenda da Esperança feminina.
Em 1995, o Centro de Juventude Bom Jesus é transformado em Creche e é feito um convênio com a SEC/CIEP.


       Em 2003, a Escola Profissionalizante passou a denominar-se Centro de Educação Profissional Leão XIII, quando, graças ao apoio da Kinderhilfe, passou por uma profunda reforma e ampliação, incluindo, também, a criação da Unidade II, nas dependências do antigo Quartel do Exército. A partir de 2005, com o auxílio da Paróquia Skt. Matthäus, da Alemanha, são possíveis melhorias no CEP Leão XIII na atualização tecnológica e na modernização de máquinas e equipamentos, aumentando o número de vagas. Hoje, o CEP Leão XIII já ultrapassou a cifra de 1.900 alunos, em 24 Cursos. Assim, a Assistência Social Diocesana Leão XIII também aumentou o atendimento total e alcançou o número de 3.600 atendimentos diários.


       Visando melhorias e ampliações é construído, em parceria com uma Construtora, um Shopping de lojas comerciais, cujos aluguéis financiarão novos Cursos no CEP Leão XIII.


       Em 2010, o CEP Leão XIII passa a ser chamado de Centro de Educação Sócio Profissional Leão XIII - CESP Leão XIII.
       Leão XIII, 50 Anos - Contribuindo para um mundo melhor